Definindo o que é simples.

Se por estarmos em Cristo, nós temos alguma motivação, alguma exortação de amor, alguma comunhão no Espírito, alguma profunda afeição e compaixão, completem a minha alegria, tendo o mesmo modo de pensar, o mesmo amor, um só espírito e uma só atitude. Filipenses 01 e 02.

O texto acima nos ensina sobre ter um olhar e uma caminhada com Jesus, num só espírito. A pergunta que surge é: como andar em simplicidade? Simplicidade é fazer da vida um lugar, onde  a sinceridade de nossos pensamentos perpetuem o gosto pelas coisas que passam desapercebidas aos olhos de outras pessoas. Estas coisas residem no olhar diferenciado para os pequenos detalhes. Passamos todos os dias sem prestarmos atenção nas incríveis investidas de Deus, sobre nós e não nos atentamos aos detalhes do que produz a simplicidade…

Enquanto muitos esperam pelas coisas enormes, o atentar às pequeninas que são cheias de pureza, suavidade, sensibilidade nos levam a entender o significado da palavra. No acumular das muitas coisas, buscá-las, redireciona um novo Caminho e um porquê para os muitos fatores que podem nos levar cada vez mais às respostas brandas, ao desarme das provocações, à serenidade de saber ouvir, sem desejar revidar! Ele nos leva a respeitar a maneira complicada ou afável do outro que pensa diferente e nos ensina a nos situar de tal forma que a reciprocidade seja verdadeira e incontestável! Sem respeito não se constrói nada e sem simplicidade não se define a identidade. Ela não está na complexidade e nem na ignorância… antes, ela reside no autocontrole e no comportamento espontâneo frente aqueles ou aquilo que surge à nossa frente, com “profunda afeição ou compaixão”..

Algumas coisas ou muitas mudam dentro de nós, quando vemos o amor de Deus e tudo aquilo que Ele criou!  O amor disponibilizado por Ele nos constrange e nos ensina a não hostilizar a vida e a tornarmos como  descartável,  toda e qualquer complicação ou sentimento de grandeza! É no repensar a nossa caminhada que totalizamos a necessidade de mudança, em nossas atitudes!

Regina.

LLeiria, 18 de junho de 2019.

 

 

This post has already been read 48 times!

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *