Diga uma palavra linda!

  • Inventada a brincadeira,   criei parceria na arte de caminhar nas metas que traçamos e acreditamos. Sim, um grupo razoável teve coragem de se permitir parar um segundo, para se atentar a um chamado simples, apenas porque quando há um incentivo, ele nos estimula a prosseguir colocando rápido ou pensando um pouco,  naquilo que nos trava ou motiva,  no instante vivido!
    O objetivo era escrever uma palavra que fosse linda!  A  finalidade era escrever um texto com as palavras colocadas ali, de forma que elas se encaixassem no contexto…
    Poderíamos ter criado aqui,  um acervo de outras tantas lindas palavras, caso as pessoas não tivessem tanta presa! Há “um não sei o quê” nas pessoas e elas, numa maioria esmagadora,  mantêm um  olhar distanciado daquilo que pode tornar o mundo melhor: a interatividade! Se não podemos estar juntas num mesmo espaço, que bom é saber que muitas estão aí, cheias de carinho, para amar ao próximo!  Sim, porque se não somos dotados de um amor diferenciado, não conseguiremos adentrar o mundo do outro, para não interromper suas intenções ou ajudá-lo nos  sonhos e planos guardados no coração!
    A solidariedade, sempre, nos fará parar um instante, porque com sabedoria, percebida a intenção do que nos convida,  entramos  no  lúdico criado! Talvez por termos entendido ou não o  desejo de permanecer crianças e,  com dignidade e humildade, desejarmos entrar no  jogo mostrando que não nos importamos se vão ou não dizerem que é bobagem e que há coisas mais importantes, para se fazer…  Num mútuo companheirismo, registrada está  a nossa  amizade e, também, a paixão pelas coisas da infância  que fazem com que o mundo seja melhor!
    Não existe felicidade sem que a criança que mora em nós,  se manifeste!  Muito do que vimos ou sentimos na serenidade das pessoas passa pelo desejo de não deixá-la morrer! O segredo reside na fantasia que cria vida!  O amor de Cristo nos ensinou que, para adentrarmos o céu, teríamos que nos parecer com elas! Assim sendo, bom é esquecer um pouco a pressa, na correria que o mundo nos impõe, para manifestar felicidade, numa inusitada brincadeira de pouquíssimos cliques num teclado, em que nos vimos ligadas pela amizade, seja ela virtual ou não!
    Saúde se constrói  quando não nos deixamos engulir pela dura jornada e, com honestidade e intenso respeito somos capazes de nos importarmos com a paz! Seja ela, para nós ou para o outro! O amor pode muito na delicadeza da generosidade e o mundo está carente de pessoas que demonstrem compaixão pelas vidas que não encontram respostas e nem alegria de viver! Só Deus sabe quantas pessoas se sentem sós à frente de uma tela de computador!
    A chamada foi um teste, para novos testes de pequenos cliques no computador! De tanto colocarmos nossos olhos no visor que temos à nossa frente, quer seja por trabalho ou lazer, com intensidade podemos fazer a nossa parte. Um poema, uma frase, uma resposta ao invés de um monte de “curtir”, uma breve mas delicada saudação nos fará semelhantes a Deus, no amor de Seu filho Jesus, que nos criou, para sermos família, de tantos que não as tem!
    Minha gratidão a todas vocês que pararam em meio à luta de um dia, para adentrar o meu coração e entenderem que internet vai muito além de cliques e riso; trabalho ou compromisso de última hora. Internet passa também, pelo caminho de se ter um tempinho mínimo, para olhar o outro. Um olhar desatento que não se fixa e só pensa em correr não traz estímulos para aqueles que só desejariam um “Olá!”
    Quando o estímula chegar não deixe que ele passe por você sem se centrar! Mesmo crescidos, ainda podemos brincar!
    Regina.
     
    Pompano Beah, 29 de setembro de 2012.

This post has already been read 292 times!

5a8d1917edd87072771346db5edb9538

5a8d1917edd87072771346db5edb9538

Regina Celi de Santana é educadora, com especialização na área de Educação infantil, com mais de 40 anos de experiência. Autodidata, mãe de três filhos e vovó orgulhosa de seus quatro netinhos: Gabriel, Kauã, Mateus e Joy!! Após se aposentar se tornou uma culinarista e é proprietária da "Cia Sabor e Arte", em Belo Horizonte, capital das Minas Gerais.

More Posts

8 comments

  1. A ideia nao poderia ter sido melhor, e eh impossivel nao ler cada palavrinha e nem perceber os sentimentos que vem antes delas…amei participar…
    o texto ficou muito lindo e se pensarmos bem, nao fica de fora nenhuma palavrinha que nao faca parte do nosso dia a dia e de nossos coracoes, todas elas sao importantes para compor nossas vidas…
    “Ao poeta cabe o oficio de verbalizar as entrelinhas da alma”
    e isso voce fez com esmero, parabens! bjs

    1. Que lindo, Ção!

      Você me surpreende, com a sua escrita clara e objetiva!

      Já experimentou expor suas ideias, em crônicas? Fica aí, a ideia!

      Obrigada pelo seu carinho.

      Um beijo meu.

  2. Nossa…que coisa mais linda para se ler em um domingo que estou me sentindo um bagaço de tão cansada… Deus te abençoe Regina…você é linda demais

    1. Olá, Paula!

      Seu cansaço tem tudo a ver com aquela frase que nos diz assim: “Desculpe o transtorno. Estamos em reforma, para melhor servi-los!” É isso. O seu cansaço se reflete nas mudanças que vc vem fazendo em sua vida e que tanto nos alegra!

      Obrigada por suas palavras, em relação ao texto feito, em parceria com e agradecimento por todas as amigas que escreveram.

      Beijo meu.

  3. Querida amiga Regina, acho que esquecemos duas palavrinhas a meu ver muito importantes também; Discernimento e Paciência. discernimento para entender tudo que está a nossa volta e precisamos também da paciência para lidarmos com próximo. Depois desta duas ainda temos uma que é importante, que os jovens de hoje não sabem dizer: Obrigado e esta cabe a qualquer hora e em qualquer lugar. Quero dizer Obrigado a você por essa brincadeira tão gostsa e esclarecedora, pelo menos para mim, foi. Sabe aquela musiquinha: Brincadeira de criança, como é bom, como é bom….. Espero que faça mais. Beijos no seu coração. Que Jesus, esteja sempre presente em sua vida e na nossa também.

    1. Imaculada, minha querida!

      Você é uma grata surpresa, para o meu coração! É tão bom quando encontramos pessoas que se importam e se interessam!

      Eu creio que faltaram muitas palavras, mas as pessoas não entraram no jogo… Andam muito ocupadas ou nem leem os nossos escritos!

      Vamos sim, ter outros momentos de interação. Aguarde. Tomara que outras pessoas desejem também, nos acrescentar.

      Beijo meu e muito obrigada, pelo seu comentário.

  4. Oi tia,amei, amei ,amei. Você é incrível com as palavras.É mesmo muito importante deixarmos nos levar, nem que seja apenas por instante, ao universo chamado “criança” que cada um de nós carrega bem lá no fundinho. Bjs.

    1. Ei, Vaninha!

      Que bom é receber um comentário vindo de você! Recebo muitos, mas raramente, um de alguém da família…

      Precisamos sim, esquecer a pressa e nos deixar levar, pela inocência que, sempre, estará guardada em nós, à espera de que a liberemos. Seríamos, todos, muito mais felizes e daríamos mais gargalhadas e nos manteríamos, na extravagância, libertos de amarras!

      Obrigada por suas palavras e um beijo meu, minha querida.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *