Sempre bem-vinda, fidelidade!!!

Em meio às chuvas da região serrana do Rio de Janeiro, a fidelidade de um cão chamou minha atenção.

 Ao assistir àquela cena, qualquer um de nós, com um mínimo de sensibilidade, ficaria emocionado! Estamos,  todos ainda,  bastante chocados, com a catástrofe que se abateu sobre aquelas cidades e seus moradores!!

Eu continuo impactada com a dor do povo serrano, como impactada continuo com aquela foto! É que a infidelidade natural do homem me faz refletir sobre aquele gesto animal…

Com os sentidos apurados, aquele cão sabia que ali, naquela cova rasa , havia alguém a quem pertencia. A ele não importou a chuva, o barro, a solidão… Sua atitude era de lealdade, frente a ausência!

Aquele gesto solidário me fez lembrar a nós, os  humanos. Como necessitamos aprender mais sobre fidelidade e lealdade ao nosso próximo e àqueles que  conquistamos, nesta vida!   O ato isolado registrado e, altamente, explorado pela mídia tocou o meu coração e ele se apertou.

Descobriu-se, recentemente que o cãozinho de nome Caramelo,  não perdera um dono e sim, o seu companheiro; que lindo!

A sua atitude nos ensina muito do amor do Pai. Um cão não sabe falar, mas sabe sentir!  Numa  inversão de valores, contrária, a criatura ensina à criação de Deus, lições simples e  amplamente, desrespeitadas! 

Tomara que um novo olhar diferenciado nos alcance e nos ensine o caminho da lealdade. Tomara que possamos, também,  sermos  fiéis. Não aos mortos, mas com quem ainda vive e precisa de cada um de nós.

Sem raciocínio lógico os animais não sabem que após a morte,  nada mais se pode fazer pelo companheiro ou amigo, mas nós, os humanos,  sabemos que, em vida precisamos agir e nos importar.

Linda lição de fidelidade, numa foto que correu o mundo!

   Regina.

Deerfield Beach, 25 de janeiro de 2011.

* Foto retirada de uma coluna da Globo.

This post has already been read 165 times!

5a8d1917edd87072771346db5edb9538

5a8d1917edd87072771346db5edb9538

Regina Celi de Santana é educadora, com especialização na área de Educação infantil, com mais de 40 anos de experiência. Autodidata, mãe de três filhos e vovó orgulhosa de seus quatro netinhos: Gabriel, Kauã, Mateus e Joy!! Após se aposentar se tornou uma culinarista e é proprietária da "Cia Sabor e Arte", em Belo Horizonte, capital das Minas Gerais.

More Posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *