Pelo Haiti!

 “Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida.” Provérbios – 04:23

Meditando e orando:

Jesus, eu queria um coração parecido com o Seu.

Parecido, apenas, pois não suportaria o peso de tamanha doação.

Meu coração é a área de meu ser que mais tem necessidade do Senhor. As outras se contentam com os dons que me foram oferecidos.

Minha fome posso saciar com o pão de cada dia; a sede física, satisfaço com a água terrena; o frio resolvo com um agasalho; meu cansaço alivio com um descanso… Entretanto, nada há neste mundo que possa purificar o meu coração…

Sinto um peso enorme nele quando vejo uma nação tão desprezada, pobre, e carente, destroçada pela fúria de um terremoto! Meu coração se compadece pela população do Haiti, mas não consegue alcançar a profundidade da dor e, então, ele é só isto: compaixão e pesar!!!

Creio que esse peso está no coração de todo o mundo!  Assim sendo, Senhor, hoje, eu e meus amigos, companheiros de oração, Lhe pedimos pelos haitianos.

Seja o Senhor, a Fortaleza deles neste momento de provação. Seja para eles o Escudo, no momento de pesar pelos familiares perdidos. Seja o Teto que os proteja da fúria da natureza, a Estrela na escuridão da noite, a Voz  nos instantes que os questionamentos sobre a Sua Pessoa chegarem ao pensamento de todos os atingidos…

Guie- os, ó Pai, nessa tristeza que lhes sobreveio, socorre-os em meio aos escombro, seguindos à frente de cada um, dirija-os, acalme-os nos conflitos de um novo recomeço. Dê a eles o Seu sopro no desalento, revigora-os na confusão, conduza-os em meio as dores de contar seus mortos, tira-os do meio dos destroços.

Senhor, eu mesma e meus companheiros de oração, não podemos estar no comando de nossos corações e pouca ação nos cabe, mas nós Lhe pedimos, no nome de Jesus, guarda os haitianos na sombra de Suas asas, amém.

Aos meus companheiros de oração, no Brasil:

Olá, meus queridos!

Saudade…

Que o Senhor nos proteja e às nossas famílias. Estou há poucas horas do Haiti e, a partir deo terremoto, todos os haitianos ganharam o direito de permanecerem legais nos USA, por dezoito meses. Depois, o governo americano verá o que fazer por eles.

Creio que isso se deve ao peso das muitas orações que acontecem, nestes dias, no mundo inteiro. Os USA, principalmente a Flórida, possui grande número de haitianos e eles serão abrigados.

No Haiti, no meio dos escombros, o que chega até nós, aqui na Flórida, através de missionários e da “Food for the poor” ( comida para os pobres) são testemunhos de cantos de louvores a Deus, pelas ruas.

É o Senhor recomeçando a reconstruir aquela nação!

Regina

.

Deerfield Beach, 17 de janeiro de 2010

This post has already been read 175 times!

5a8d1917edd87072771346db5edb9538

5a8d1917edd87072771346db5edb9538

Regina Celi de Santana é educadora, com especialização na área de Educação infantil, com mais de 40 anos de experiência. Autodidata, mãe de três filhos e vovó orgulhosa de seus quatro netinhos: Gabriel, Kauã, Mateus e Joy!! Após se aposentar se tornou uma culinarista e é proprietária da "Cia Sabor e Arte", em Belo Horizonte, capital das Minas Gerais.

More Posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *